São Paulo: (11) 2761-1017 - Porto Alegre (51) 3022-7462 - WhatsApp: (51) 99653-3530

Estimulação da Libido e da sexualidade feminina

Written by admin on . Posted in Estética Íntima

Estimulação da Libido e da sexualidade feminina
A sexualidade da mulher não está ligada a seus ovários. Mulheres e homens podem ter uma vida sexual ativa até uma idade avançada. Nas mulheres o declínio sexual começa ao atingirem a menopausa, com a diminuição da função dos ovários.
Entretanto, o desejo sexual e o prazer não diminuem, necessariamente, com a idade, como se pensava antigamente. Alguns especialistas em envelhecimento afirmam que o sexo é, na verdade, uma estratégia antienvelhecimento para nos manter todos jovens e vibrantes. No caso da mulher, enquanto ela envelhece, sua resposta sexual deixa de estar intimamente vinculada à gravidez e a surtos de estrogênio ou progesterona. Em vez disso, o sexo é mais e mais a respeito do prazer, intimidade e emoção.
A menopausa pode ser um momento em que as mulheres aceitam seus corpos, é quando elas se sentem confortáveis e autoconfiantes, e sabem que são mais do que a soma de seus atrativos físicos.
As mulheres que simplesmente não estão com vontade e sofrem de desejo sexual diminuído podem estar tendo um problema físico dependente de algumas substâncias. As principais substâncias envolvidas nas atividades sexuais são os hormônios ovarianos, em especial a testosterona, promotora do desejo sexual. Os médicos que tratam de distúrbios hormonais, em especial os ginecologistas e os endocrinologistas, fazem a reposição hormonal, fato benéfico para todo o organismo feminino. Além das reposições hormonais realizadas sob controle médico existem terapias alternativas que podem auxiliar na vasodilatação genital e na estimulação hormonal. São substâncias manipuladas sob prescrição médica e elaboradas em farmácias de manipulação. Entre as substâncias mais frequentemente utilizadas estão a Maca peruana (contem Arginina e histidina), a Ocitocina, a Mucuna pruriens e a Tribulus terrestris.
Maca Peruana
A Maca peruana tem sido utilizada por mais de 2.000 anos como um afrodisíaco natural. Ela é composta de dois aminoácidos muito importantes: arginina e histidina.1 Ambos têm efeitos diretos sobre os lábios e clitóris produzindo vasodilatação.
A arginina é uma substância vasodilatadora que aumenta o fluxo sanguíneo para os lábios, permitindo-lhes a abertura.2 A arginina também faz com que o clitóris se inche, trazendo-o para a superfície onde fica mais sensível à estimulação sexual, o que para muitas mulheres desencadeia a lubrificação vaginal. Agora, enquanto tudo isso está acontecendo, a histidina da Maca começa a se converter em histamina no interior de células especializadas, chamadas mastócitos, no clitóris. Isto é importante porque o orgasmo é dependente da liberação da histamina.3 Assim, a Maca pode fornecer os ingredientes necessários para conduzir os componentes físicos da estimulação sexual e orgasmo.
Oxitocina
A Oxitocina é um nanopeptídeo sintetizado nos núcleos paraventricular e supraótico do hipotálamo, localizados no cérebro. Quando liberada perifericamente pela neuro-hipófise, atua como um hormônio que estimula a produção do leite durante a lactação, e a contração uterina no parto. No entanto, quando liberada centralmente, a Oxitocina age como um neurotransmissor ou neuromodulador de diversos processos, tais como modulação da ansiedade, da libido, da interação social e regulação das respostas neuroendócrinas e cardiovasculares. A Oxitocina aumenta a lubrificação e o tônus vaginal; intensifica a experiência do orgasmo e aumenta o desejo e a memória de experiências prazerosas. Pode ser receitada em gotas nasais ou manipulada com fórmula magistral.
MucunaPruriens
É uma planta proveniente da Índia, muito conhecida por suas propriedades afrodisíacas e também utilizada no estímulo da deposição de proteínas nos músculos, como auxiliar no aumento da força e da massa muscular, e no estímulo do estado de alerta para otimizar a coordenação. Além disso, a Mucuna aumenta os níveis de L-Dopa, responsável por estimular a produção de LH (Hormônio Luteinizante, produzido no ovário). A deficiência subclínica de dopamina no cérebro é também responsável pelo sentimento de depressão e falta de desejo sexual.
Tribulus Terrestre
Tribulusterrestris é apresentado em extrato (Extrato padronizado 40% saponinas) e sua ação pode aumentar a concentração de hormônios, incluindo o estradiol (hormônio tipicamente feminino), com aumento leve da testosterona (hormônio tipicamente masculino) e melhoria da função reprodutora, da libido e da ovulação. Potente afrodisíaco feminino, não apenas masculino.
Longevidade e sexo
A atividade sexual não é prerrogativa de jovens, pode ser exercitada em qualquer idade, é saudável, vital para expressar nosso amor por nosso parceiro e isto pode realmente nos ajudar a viver mais tempo ou, pelo menos, viver mais feliz. Não suponha que a menopausa significa o fim do sexo. Na realidade, é um tempo ativo e incrível da vida de muitas mulheres. Às vezes você só precisa de um pouco de ajuda. Procure seu médico, ele vai orienta-la e pedir os exames necessários para uma correta reposição hormonal ou uso de terapias auxiliares magistrais.

Referências:
1. D. Din, O Migliolo, L. Ratrelli, P. Saturnino, O. Schettino. ChemicalCompositionofLepidiummeyenii.Food Chemistry,1994, 49.
2. Fortschr.NeurolPsychiatr. 2004 72(3):121-35.

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Aviso Legal

Responsável Técnico Dr. Honório Sampaio Menezes
CRMSP 138615 – CRMRS 11342

Os dados aqui contidos não são aconselhamento, são informações somente de caráter informativo. As informações não devem ser usadas para automedicação, autodiagnóstico e autotratamento.

Facebook

Contato

  • Alameda dos Maracatins 1435 cj 904 Moema
    São Paulo | SP
  • (11) 2761-1017

  • Rua Dom Pedro II
    1220 cj 306 Higienópolis
    Porto Alegre | RS
  • (51) 3022-7462
  • WhatsApp (51) 99653-3530