São Paulo: (11) 2761-1017 - Porto Alegre (51) 3022-7462 - WhatsApp: (51) 99653-3530

CONSUMO DE FRUTOSE E OBESIDADE

Written by admin on . Posted in Beleza

CONSUMO DE FRUTOSE E OBESIDADE
O excesso de glicose não é bom, mas o que alguns estudos estão demonstrando nos últimos anos é que o excesso de frutose também pode ser prejudicial à saúde. A frutose é derivada do açúcar das frutas, da sacarose e do xarope de milho, que contém frutose concentrada. Entretanto, esse xarope com alta concentração de frutose e sabor muito doce, bastante utilizado pela indústria alimentícia, pode não ser composto somente de frutose, mas de uma combinação quase em partes iguais de glicose e frutose.2
A indústria passou a adicionar cada vez mais frutose, por esta ser 70% mais doce que a sacarose, assim pode-se usar menor quantidade com a mesma doçura final. Além disso, a frutose é mais estável em soluções líquidas, como os refrigerantes, justificando seu uso disseminado nestes.3
Outro fator do aumento do consumo de frutose é o hábito disseminado de utilizar o suco de fruta concentrado apenas, ao invés de manter as fibras presentes na fruta – estas reduzem a absorção da frutose. Hoje se sabe que liquidificar uma fruta deixando a totalidade de seus componentes seria bem melhor que centrifugar uma fruta, separando a água e a frutose do restante de sua composição. Se uma pessoa consome a frutose contida em frutas e vegetais, não há problemas, uma vez que estes alimentos contêm vitaminas, minerais e fibras que irão reduzir a absorção de frutose ou, pelo menos, torná-la mais saudável. Antigamente as pessoas consumiam 16 a 20 gramas de frutose por dia, em grande parte pelo consumo de frutas frescas. A ocidentalização da alimentação resultou em aumento significativo na frutose adicionada à dieta, conduzindo ao consumo diário de 85 a 100 gramas por dia.1
A frutose depois de passar pelo intestino é rapidamente levada para o fígado para processamento. No fígado tem dois destinos: ou é transformada em glicose e utilizada para energia por células hepáticas, em seguida, armazenada como glicogênio hepático, ou é transformada em ácidos graxos livres (gordura).4
Ao contrário da glicose, a frutose é metabolizada quase exclusivamente no fígado (pois só no fígado tem quantidades suficientes da enzima frutoquinase), enquanto a glicose pode ser metabolizada por outros tecidos, como os músculos, e ser utilizada como fonte de energia por eles. Se você tem uma grande quantidade de frutose em sua dieta, ela só tem um lugar para ir: o seu fígado. Se os seus níveis de glicogênio hepático estão altos, o que acontece todos os momentos do dia, exceto durante o jejum, a frutose é transformada em gordura! Para o restante do corpo a frutose não é um açúcar de rápido metabolismo como a glicose, mas sim um ácido graxo livre.2
O excesso de frutose resulta, em última análise, em acúmulo de gordura causando obesidade ou dificuldade para emagrecer.
Veja alguns exemplos: refrigerante tipo cola lata tem 37g de açúcares sendo 21,9g de frutose; isotônico 500ml tem 30g de açúcares sendo 10,5g de frutose; suco de laranja concentrado 200ml tem 16,8g de frutose. Esta pode ser uma das razões da dificuldade de emagrecimento quando esses alimentos estejam sendo consumidos em excesso.
Referências:
1 Barbosa, J.H.P., de Oliveira, S.L., Seara, L.T. Produtos da glicação avançada dietéticos e as complicações crônicas do diabetes. Rev. Nutr., 2009, 22(1):113-124.
2 Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008-2009. Ministério da Saúde. Jul 2011. www.brasil.gov.br.
3 Brown, K. Diet-Induced Dysbiosis of the Intestinal Microbia and the Effects on Immunity and Disease. Nutrients. 2012 August; 4(8): 1095–1119.
4 Revista Essentia. 2013, 2.

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Aviso Legal

Responsável Técnico Dr. Honório Sampaio Menezes
CRMSP 138615 – CRMRS 11342

Os dados aqui contidos não são aconselhamento, são informações somente de caráter informativo. As informações não devem ser usadas para automedicação, autodiagnóstico e autotratamento.

Facebook

Contato

  • Alameda dos Maracatins 1435 cj 904 Moema
    São Paulo | SP
  • (11) 2761-1017

  • Rua Dom Pedro II
    1220 cj 306 Higienópolis
    Porto Alegre | RS
  • (51) 3022-7462
  • WhatsApp (51) 99653-3530